Modelo Camila Mingori vai participar do tradicional Tour de France
Apaixonada por ciclismo, top fala sobre sua rotina de treinos e expectativas para participar da prova, que acontece na capital francesa no mês que vem.
Não estranhe se esbarrar com a modelo Camila Mingori, de 23 anos, pedalando pelas avenidas de São Paulo. É que ela está treinando para o Tour de France, tradicional prova de ciclismo que acontece na França até o dia 27 de julho. Apaixonada por esportes, a top participa da competição  pela segunda vez.

“Estou muito animada para realizar a prova deste ano, que será bem mais difícil do que a do ano passado. Em 2013, fiz os 128 quilômetros em oito horas. Este ano, são 150 quilômetros e a prova terá muito mais subidas. De qualquer maneira, o que vale é participar e estarei feliz em completar o circuito este ano, independentemente do tempo”, conta Camila, que acaba de estrelar as campanhas das Pernambucanas e da grife Richards.

Dedicação e muita preparação são essenciais. A modelo diz que nos últimos 40 dias tem treinando intensamente. “Durante quatro vezes na semana, pedalo em torno de 60 quilômetros. Já no fim de semana, faço treinos mais longos, em torno de 100. É bem forte mesmo. O corpo precisa se acostumar”, explica a loira, que namora o empresário Luiz Octavio Costa.

Além da bicicleta, ela completa sua rotina de exercícios com pilates, musculação e treino funcional de luta, um dos programas preferidos das tops para aumentar a resistência física e definir o abdômen. “Mas, recentemente, parei de fazer estas atividades complementares. Agora estou focada só na bike. Faço alongamentos para ajudar na recuperação e fortalecer a lombar”, comenta ela, que tem 1,80m de altura, pesa 55kg e tem 14% de gordura corporal.

Dieta é uma palavra que não existe na vida de Camila. “Como normalmente, um pouco de tudo. Por ser adepta de um esporte que consome muita energia, é recomendado comer bem. Principalmente na noite anterior ao esporte e durante a execução do exercício. Se eu não me alimentar bem, acabo perdendo musculatura em vez de gordura”, diz ela, que costuma pedalar com duas garrafas de água de 600ml.

Além de ser dona de um guarda-roupa estiloso, ela não abre mão de peças especiais para andar de bike. “O forro da bermuda é adaptado para o corpo da mulher, além de meias de compressão, capacete, blusa que absorve o suor, óculos para proteger os olhos e luvas para as mãos. Se estiver frio, uso casaco que corta o vento e um gorrinho. Quando está chovendo, uso capa de chuva e proteção para os pés. Vida de ciclista não é fácil. Faça sol ou faça chuva, estamos lá, firmes e fortes para completar o objetivo”, detalha Camila, que é uma das sócias do Studio Pier 88, espaço para fotografia e exposições em São Paulo.“Bebo muita água e suplementos de sais minerais e carboidrato. Durante as pedaladas, levo também sanduíches salgados para percursos longos, gel de carboidrato e proteína e bananinha. Levo tudo que é bom e prático para comer durante o percurso. Este é o segredo para completar bem a prova”, ressalta a modelo, que costuma fazer pequenos lanches de hora em hora, além de café da manhã e pós-treino bem reforçados.

 
   
Liga Santista de Ciclismo
Filiada.:
Tel.: (13) 99711-1779
E-mail: lsciclismo@lsciclismo.com.br
 
Desenvolvido por : Portal Weeb.com